Como Escolher a Interface de Áudio Para Meu Home Studio?

Olá, Neste post vão algumas dicas de como escolher a interface de áudio para home studio.: uma tarefa que parece complicada mas que pose ser simples se soubermos exatamente quais as nossas principais necessidades dentro do trabalho que pretendemos fazer.

interface de áudio

A maioria das pessoas que tem dúvidas a respeito de interface de áudio são as pessoas que estão começando agora e as perguntas delas são:

Qual a melhor placa que eu posso ter para apenas gravar o meu instrumento, a minha guitarra, o meu violão e poder registrar as minhas ideias com mais qualidade ou gravar voz e violão no meu quarto?

Hoje em dia podemos encontrar no mercado diversos tipos de placas de áudio.

Interfaces com um canal, dois canais, com quatro, com oito ou mais, com conexão USB, Firewire, Thunderbolt, preta, branca, vermelha, azul e de diversos fabricantes diferentes

Mas qual seria a melhor opção para um home studio?

A escolha da placa de áudio pode se mais simples do que se imagina se soubermos exatamente o que queremos fazer no home studio?

audio-interface

Claro que a cor da placa não vai fazer diferença nenhuma né?

Mas temos que saber exatamente o que vamos gravar e como vamos gravar.

Por exemplo: se eu quero uma placa somente para gravar locução, eu não vou precisar mais que um canal.

Se for gravar voz e violão ou quiser ter a possibilidade de gravar em estéreo, eu vou precisar de uma interface com dois canais.

E assim por diante, se eu quero gravar mais canais simultaneamente eu vou precisar de uma interface com mais canais.

Agora se eu quiser gravar uma bateria inteira, vou precisar de uma interface com no mínimo oito canais.

Geralmente em home studio nós não vamos precisar mais que dois canais pois como o próprio nome diz, o home studio é um estudiozinho montado em casa em um lugar pequeno e portanto sem espaço para ter uma bateria que seria gravada com instrumentos virtuais.

Com uma interface de dois canais dá para gravar voz e violão simultaneamente, um violão estéreo ou até mesmo uma bateria inteira pois existem algumas técnicas de microfonação que permitem isso.

Enfim se você não pretende gravar bateria no seu home studio, uma interface de dois canais é o suficiente.

Muita gente ainda fala que interface é tudo igual e que só mudam o número de canais mas na verdade não bem assim.

As interfaces além da variedade em números de canais também apresentam números de preamps diferentes, número de entradas e saídas diferentes além de conexões diferentes, Ah e também performances de desempenho diferentes.

Conexões

Existem conexões diferentes para interfaces de áudio como a USB ou Firewire, mas qual é a melhor?

placa de áudio com conexão firewire

Se você possui conexão firewire em seu computador, você pode optar por uma placa deste tipo também.

Apesar da conexão Firewire não ser tão rápida na transmissão de dados quanto uma conexão USB, a grande vantagem é que você vai ter um tipo de conexão dedicada apenas para a sua interface, diferente do que acontece quanto você conecta uma interface via USB.

Geralmente nós usamos diversos outros hardwares de computador também usando a conexão USB: o mouse o teclado, uma web cam, HDs, pen drivers etc…

Neste caso o computador vai precisar  gerenciar o quanto de memória ele vai usar pra cada um desses dispositivos que estão conectados nas portas USB e não raro ainda usamos hubs para multiplicar as portas.

Isso pode gerar uma perda na transmissão de dados porque estaríamos compartilhando várias entradas USB.

 

Mas se você não tem uma conexão Firewire pode ficar tranquilo em adquirir uma interface USB que apesar do que escrevi sobre o compartilhamento de memória entre as portas USB, elas oferecem ótima qualidade na transmissão de dados e funcionam linda e perfeitamente em qualquer sistema além de serem práticas e compatíveis com qualquer máquina.

E nunca podemos esquecer que podemos transportá-las para qualquer lugar sem nenhum problema.

Saiba mais sobre equipamentos de home studio

 

Entradas e saídas

Além das duas entradas de que falei de dois canais de áudio ainda tem aquelas interfaces que possuem dois canais de entrada MIDI para conectar um teclado e através dele controlar os instrumentos virtuais.

scarlett 2i2

Como no meu caso por exemplo, muitas pessoas podem querer usar o seu velho teclado como controlador MIDI.

Apesar de existirem algumas interfaces exclusivas para MIDI eu não aconselho pois já tive uma que nunca funcionava da maneira que eu precisava e dava muito trabalho.

Então se você já tem um teclado mais antigo, você pode optar por uma interface com entrada e saída MIDI.

Quantas às saídas da placa que é onde você vai conectar aos seus monitores ou a uma mesa de som, você pode optar por uma placa com dois canais de saída, mas existem placas com diversas saídas, até mesmo para conectar mais de um par monitor de referência como é o caso de alguns estúdios que utilizam até três pares de monitores de referência.

Claro que não podemos esquecer das saídas para os fones de ouvido pois durante a gravação, nós vamos precisar de um volume independente para os fones de ouvido do  músico que está gravando  e dos monitores de quem está do lado de fora monitorando a gravação.

Resolução e taxa de amostragem

Outra coisa que precisamos estar atentos na hora de escolher uma interface ideal é a resolução e a taxa de amostragem.

resolução e taxa de amostragem

 

A resolução diz respeito ao nível de qualidade de conversão que a placa oferece ao transferir o sinal elétrico para o nosso sistema digital.

Um maior número de bits dessa conversão qualifica ainda mais o material que vamos ter para editar e processar dentro do computador.

Por exemplo: uma placa que converte com uma resolução de 24 bit vai gerar um áudio digital com muito mais flexibilidade do que uma que converte a 16 bit e assim por diante. Existem placas que convertem até em 32 bits de resolução digital o que dá muito mais qualidade.

Quanto à taxa de amostragem também teremos uma melhor qualidade quando tivermos mais amostras.

Por exemplo: se gravarmos com um sample rate de 44.100 hz, significa que o sistema digital vai converter em dados para o computador 44.100 amostras por segundo daquilo que estamos gravando o que significa uma taxa de amostragem bastante contínua.

Se for de 48,000 hz melhor ainda.

Pra você ter uma ideia uma placa comum pode ter taxas que chegam a 96.000 hz e algumas chegam a 192.000 hz o que já se torna até dispensável, visto que quanto mais amostras tivermos, mais espaço em HD iremos consumir e mais processamento também.

O suficiente para termos uma boa gravação tanto em home studios como em estúdios maiores seria com uma resolução de 24 bit e um sample rate de 44.1.

Saiba mais sobre gravação em home studio

Alimentação phantom power

alimentação phantom power

As interfaces de áudio que tem no mercado geralmente já vem equipadas com o sistema de alimentação phantom power utilizado para microfones a condensador mas no caso de não haver, seria preciso um outro dispositivo que tenha esse tipo de alimentação ao qual você pudesse conectar o mic antes da placa.

Marcas

Depois de saber o número de canais de entradas e saídas, o tipo de conexão e a qualidade da conversão da interface, vamos ter que decidir de qual marca comprar.

marcas de interface

Em termos de mercado hoje dia já se pode dizer que a maioria das placas possuem boa qualidade e são até similares e podemos confiar na maioria das principais marcas pois existe uma concorrência muito grande nesse sentido e cada qual quer fazer melhor para não perder espaço.

Mas temos que ficar atentos em alguns detalhes

Sistema operacional

 

Na hora de escolher interface também temos que temos que tomar o cuidado de escolher uma que seja compatível com o sistema operacional que pretendemos usar.

sistema operacional

Por exemplo: se eu tivesse um Mac, eu iria ter que saber se a placa que eu pretendesse comprar tem um driver compatível com o Mac.

Existem algumas interfaces que são fabricadas por empresas que trabalham exclusivamente com o sistema OSX que só roda em computadores da empresa Apple, os conhecidos Macintosh.

Já pensou se você tem um PC e compra uma dessas placas.? Pata ca parao.

Mesa de som e interface

Outra dúvida que sempre surge é com respeito a interface e a mesa de som.

mesa de som e interface

Quem está começando e ainda não sabe muita coisa sobre o home studio pergunta com qual mesa usar a sua interface e como ligar.

Se você possui uma placa externa conectada ao computador, você não irá precisar ligar uma mesa antes da interface pois a interface já possui os canais pra você plugar o microfone ou o cabo de um instrumento e também possui os preamps assim como a alimentação phanton power.

Você só precisaria de uma mesa caso tivesse uma daquelas placas com conexão PCI e internas como a Delta 1010 por exemplo.

Neste caso precisaria de uma mesa com suas entradas, seus preamps e o phantom power para os microfones.

Nós podemos usar sim uma mesa para conectar as saídas da interface caso queiramos utilizar os monitores de referência para várias fontes de áudio como no meu caso:

Eu tenho duas interfaces de áudio instaladas em meu PC. Então direciona as saidas das duas interfaces para dois canais distintos da mesa e a saída da mesa ligado nos monitores.

Assim quando quero usar uma e outra interface alternadamente eu abro o canal da mesa correspondente.

Mas isso só é legal se a mesa estiver totalmente flat, sem nenhum tipo de equalização. Senão não estaríamos enviando o áudio vindo da interface e sim da mesa.

Bom essas foram as dicas pra você que está começando e ainda tem dúvidas sobre interface poder escolher uma que encaixe perfeitamente na sua necessidade.

Escolha bem e seja feliz

Grande abraço

Se gostou dessa dica e quiser continuar ligado neste blog, você pode fazer a inscrição na newsletter e receber as atualizações e dicas exclusivas diretamente no seu email

 

Deixe seu comentário sobre esse artigo.

Músico, produtor e criador do blog idaudio.com.br com o intuíto de compartilhar conhecimentos e dicas com quem está na mesma estrada afim de que todos possam crescer como profissionais, realizando seus maiores sonhos.

2 Comentários

  1. Wallace Bento

    Gostei muito das informações fornecidas!!! Parabéns pelo site, nota 10!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.